BLOG DO LA - Fotos, Notícias e Festas dos Famosos por Luiz Alberto Barcellos: A POLÊMICA ON LINE DE FAUSE HATEN E GLÓRIA KALIL

sexta-feira, 2 de novembro de 2012

A POLÊMICA ON LINE DE FAUSE HATEN E GLÓRIA KALIL

Uma falou mal do desfile do outro. E o outro respondeu a altura. Li na coluna de Hildegard Angel, que agora é http://www.hildegardangel.com.br/, que disse com muito bom humor que faz as pazes dos dois tomando um vinho branco, de frente à Praia de Copabacana, em seu apartamento. Essa Hilde...


Crítica da Gloria Kalil:
Já que estamos numa edição compacta onde a palavra "síntese" tem sido muito pronunciada, acho que Fause Haten poderia tentar juntar suas duas paixões - moda e música -  num só espetáculo e fazer um... musical!  O palco cheio de luzes seria o cenário ideal para os figurinos que mostrou na passarela e também o melhor lugar para ele mostrar seus dotes de compositor e cantor.
Sim, porque dificilmente uma mulher, de qualquer idade ou estilo, vai achar lugar melhor do que um palco para usar os bodies transparentes cheios de enfeites de pedrarias, as saias enfeitadas de boas de pompons de tule, os recortes bicudos dos sutiãs colados ao peito, as lantejoulas pra lá de brilhantes das calças, macacões e vestidos longos e para as blusas de musseline com mangas em sino que arrastam pelo chão como caudas de fantasias de fadas más. 
Ele se divertiu em nos mostrar o quanto sua criatividade funciona para figurinos de ribalta.  Aguardamos com entusiasmo o convite para a estreia do Hello, Fause. 

Desabafo do Fause:
Cara Glória Kalil,
Em resposta aos comentários que o seu blog faz sobre o meu desfile apresentado na ultima segunda feira, gostaria de lhe dizer, que existem sim muitas mulheres com desejos de cor, exuberância e transparência.
Elas estão por toda parte, pode haver uma aí do seu lado agora.
O mercado de moda mudou muito, desde o tempo onde você era uma empresária. Realmente vivemos um tempo onde só empresários de coragem conseguem se manter. 
Nesse momento as marcas internacionais invadem nosso país e colocam empresas como a minha em um lugar muito delicado. 
Como empresária um dia você teve que encerrar suas atividades e se reinventou como jornalista. Conseguiu convencer a muitas pessoas que poderia dizer o que era certo e errado sobre moda e bom gosto. 
Mas afinal o que é bom gosto nos dias de hoje?
Que pena... mais uma vez o mundo mudou, as regras não fazem mais sentido. O indivíduo hoje é mais importante do que a marca que ele usa. A informação ou a atitude de quem usa, vale mais do que onde se compra uma roupa.
A moda existe para libertar e não para castrar. O certo e errado, o in e o out que tantos veículos insistem em pregar, não fazem mais sentido.
Um blog inocente de uma menina interessante, diz muito mais ao público do que um site de moda corporativo.
É uma pena que o seu site insista em olhar para o trabalho de um estilista brasileiro com ironia, seja ele quem for.
É uma pena que você como uma empresária não tenha respeito por um trabalho.
A minha coleção apresentada segunda feira é um trabalho de moda. Apresentado em um evento de moda. Assim como todas as outras marcas uso os recursos que tenho para realizar esse show. Meu trabalho no teatro eu apresento nos palcos.
Sim, eu gosto de cores; sim, eu gosto de mulheres sensuais; sim, eu mostro a vocês que vivem com seus olhares virados para a Europa ou a América, o que é o Brasil.
Existem clientes no Brasil todo que vestem e gostam da marca FH. Foi isso que manteve por todos esses anos trabalhando.
Minhas roupas são mais do que um terno preto e uma sandália vermelha. Mas a vida é assim... somos todos diferentes e é isso que faz tudo mais interessante.
Sou um empresário que há 25 anos luto pela moda no Brasil.
Sou um empresário que pago minhas contas rigorosamente em dia e gero trabalhos e salários para muitas famílias.
O que eu mostrei naquela passarela é o que eu sou. O que eu sei fazer e o que eu preciso fazer. 
Peço respeito comigo, com o meu trabalho, minha equipe e com minhas clientes.
Obrigado!
Fause Haten